Polícia japonesa fecha rede de bordéis para idosos em Tóquio

Gente idosa também se prostitui no Japão. A polícia japonesa fechou uma rede de bordéis ilegais em Tóquio para as pessoas de idade avançada. A mais jovem tem 40 anos de idade, enquanto a mais velha tem 98 e dedica-se a isso desde a Segunda Guerra Mundial!
Calculam que ao longo dos últimos dois anos, a proprietária dos bordéis, Risako Yokota, de 53 anos de idade, tenha ganho uns 50 milhões de ienes (mais ou menos 520.000 dólares) só por ter a rede.

bordel-japao

A lei japonesa proíbe a prostituição que se entende como “relação sexual em troca de dinheiro”, mas permite a indústria do sexo (consideram relação sexual sempre que tenha coito). Para permanecer dentro da legalidade, os bordéis japoneses costumam oferecer serviços sem coito, por exemplo sexo oral.

Anúncios

Escreve aí

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s